Acervo e Memória apresenta o Catálogo Preliminar do Acervo Institucional
4/5/2010

O Catálogo em três volumes disponibiliza informações sobre mais de mil peças – entre objetos, registros, monumentos e outros – que contam a história do Jardim Botânico do Rio de Janeiro.

No último dia 30, o setor de Acervo e Memória/DIAT apresentou o Catálogo Preliminar do Acervo Institucional do JBRJ. O evento aconteceu no Centro de Visitantes do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, com a presença de convidados do Arquivo Nacional e representantes de todos os setores da instituição.

Desde a ideia inicial até a apresentação, foram, aproximadamente, dois anos de muito trabalho. A equipe, formada pela coordenadora Maria José Sarno, o geógrafo Edson Moreira Felisberto e as biólogas Sonia Maria Barreiros e Vanda de Cássia Rodrigues Maia, participou de todas as etapas do processo. Foi necessário um longo trabalho de triagem para separar quais peças pertenciam ao acervo. Após esse levantamento, a equipe fotografou, higienizou, patrimoniou e catalogou 1079 peças. A regularização das peças históricas, feita pelo IPHAN, aumentou em 195% o patrimônio do JBRJ.

O resultado é um catálogo composto por três volumes, contendo dados das coleções arqueológicas expostas, dos prédios e edificações históricas, esculturas, monumentos, fontes, chafarizes e demais obras. “O resultado desse trabalho é tornar o acervo disponível para consulta direta de todos”, disse a coordenadora. E já existem pesquisas em andamento.

O catálogo é um registro de parte da história botânica brasileira e grande parte da história do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Após a apresentação, os presentes debateram sobre o futuro do acervo e a necessidade de criar infraestrutura para sua ampliação, de forma a poder abrigar doações de pesquisadores e de suas famílias.

Fotos

 

 

 

 

 

 

volta à primeira página