Cine Gaia reprisa uma seleção de filmes de sua 1ª edição
6/8/2009

Os filmes, que participaram do I Festival de Cinema Ambiental do Jardim Botânico do Rio de Janeiro – I Cine Gaia, em 2008, estão sendo reapresentados na sala multimídia do Centro de Visitantes aos sábados.

A série de reprises, além de proporcionar ao público a chance de ver ou rever as produções, serve também para dar uma amostra do que vem por aí, no II Cine Gaia, que acontece em novembro.

Acompanhe a programação da Reprise I Cine Gaia.

SÁBADO, 8 DE AGOSTO

15h - "As brumas de Mwanengouba", de Guillaume de Ginestel e Jean-Thomas Renaud
(França-Camarões, 2007) - 52 minutos.
Aos pés de um vulcão ao sudoeste de Camarões, um cientista inglês descobriu uma densa floresta tropical miraculosamente preservada, que hoje constitui um dos mais importantes polos de biodiversidade e espécies endêmicas na África. A floresta é vigiada pelos Bakossi, tribo nativa que acredita que cada árvore abriga o espírito de um de seus ancestrais.

16h - "Perdendo o Amanhã", de Patrick Rouxel (França 2005) - 52 minutos.
O filme mostra a beleza e a biodiversidade da floresta tropical na Indonésia e como estas são ameaçadas pela indústria do país, que visa apenas ao lucro a curto prazo. Nos últimos 50 anos, cerca de 70% das florestas indonésias foram destruídas. Hoje elas contabilizam o maior número de espécies vegetais e animais ameaçadas de extinção.

Centro de Visitantes do Jardim Botânico do Rio de Janeiro
Rua Jardim Botânico, 1008.
Tel.: 3874-1808
Entrada franca

 

 

 

 

 

volta à primeira página