Pesquisadores do JB participam de encontro no México
9/11/2006

Os pesquisadores do Jardim Botânico Márcia Figueiredo-Creed e Gilberto M. Amado Filho, além do aluno de doutorado Alexandre Villas-Boas, participaram de 23 a 27 de outubro do 2º International Rhodolith Meeting, La Paz, México. A importância da participação dos pesquisadores do JBRJ no evento se deve ao fato que o Brasil é apontado como o país que apresenta as maiores extensões de depósitos de rodolitos (formações compostas por algas calcárias) do mundo. Essas formações são responsáveis pela manutenção de grande parte da diversidade da biota marinha da plataforma continental brasileira. Durante o encontro foram discutidos projetos de cooperação internacional e a troca de experiências no que se refere à taxonomia e ecologia de rodolitos.

A equipe do JBRJ apresentou três trabalhos durante o workshop: “An experimental evaluation of rhodoliths as living substrata for infauna in the Abrolhos Bank, Brazil”, “Communities associated to the coralline algae in rhodoliths beds in the Espírito Santo State” e “Structure of rhodolith beds from a depth gradient of 4 to 55 meters at the south of Espírito Santo State coast, Brazil”.

Devido a importância dos ecossistemas formados por algas calcárias e da necessidade de incrementar a realização de estudos sobre rodolitos no Brasil, foi proposto pelos participantes que o terceiro workshop seja realizado no Brasil. O evento será organizado pelo JBRJ e deverá ocorrer em 2009.

 

 

 

 

 

volta à primeira página