Escola Nacional de Botânica Tropical tem novo diretor
9/11/2012

O biofísico Henrique Lins de Barros tomou posse na direção da ENBT na terça-feira, 6 de novembro de 2012.

Pesquisador titular do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF) e diretor do Museu de Astronomia e Ciências Afins de 1992 a 2000, Lins de Barros tem desenvolvido também diversas ações de popularização da ciência. Sua seleção para dirigir a ENBT se deu por meio de lista tríplice, elaborada por um Comitê de Busca, e encaminhada à ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, que fez a escolha final.

A cerimônia de posse de Lins de Barros contou com a presença do presidente do JBRJ, Liszt Vieira, e de toda a diretoria da instituição, bem como do presidente do Comitê de Busca, Lindolpho de Carvalho Dias, que foi o primeiro diretor da Escola.

Dar visibilidade à ENBT e promover o diálogo e a multidisciplinaridade estão na pauta do novo diretor. Em seu discurso, Lins de Barros defendeu a interação com outros centros de pesquisa e áreas de conhecimento e o papel da Escola como “braço de formação científica do Ministério do Meio Ambiente”, na produção de conhecimentos que subsidiem as políticas públicas para a utilização das reservas naturais e a conservação da biodiversidade.

 

 

 

 

 

 

voltar à primeira página