ENBT inicia programas de extensão
12/2/2007

A Escola Nacional de Botânica Tropical do Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro inicia suas atividades letivas com cursos de pós-graduação stricto sensu e lato sensu e extensão, com foco no conhecimento da flora nacional, dos ecossistemas brasileiros e na conservação de espécies. Ao todo, são cerca de 200 horas efetivas de aula em cursos de extensão a cada ano, além de dois cursos de especialização. Entre as atividades de extensão, o destaque é para o Programa de Ilustração Botânica, criado em 2001. O programa inclui ainda estágios para alunos selecionados ao final do curso. Os cursos podem ser ministrados por pesquisadores e servidores do Jardim Botânico e demais pessoas interessadas fora da instituição mediante inscrições.

O Programa de Extensão

É filosofia do JBRJ, ser o centro difusor do estudo sobre meio ambiente, botânico, destacando-se não só o conhecimento e a conservação da flora nacional, como também programas de educação ambiental e extensão. As atividades letivas da ENBT são realizadas em forma de cursos de pós-graduação stricto sensu e lato sensu e extensão, permeando vários campos, focando predominante o conhecimento da flora nacional, dos ecossistemas brasileiros, e a conservação de espécies.

O Programa de Extensão da ENBT tem por objetivo ministrar conteúdos para preparar o profissional a trabalhar em prol de uma convivência mais harmoniosa entre o homem e a natureza, cumprindo assim o objetivo de conhecer e conservar a diversidade vegetal. Cerca de 200 horas efetivas de aula em cursos de extensão vem sendo ministradas a cada ano, enfatizando assim a missão do JBRJ e da ENBT, no campo do ensino, além de dois cursos de Especialização, atendendo a 80 alunos.

Nas atividades de extensão, tem destaque o Programa de Ilustração Botânica, criado em 2001, que vem incentivando a formação de profissionais com o objetivo de atender a crescente demanda de registro iconográfico das espécies brasileiras para pesquisa científica e divulgação. Além de três cursos oferecidos anualmente, o programa inclui estágios para alunos selecionados ao final do curso, acompanhados por taxonomistas e o incentivo à participação em exposições e concursos e um seminário anual.

Além de cursos, o Programas de Extensão promove palestras e seminários em parceria com a DIPEQ (Seminários em C&T) abertos aos profissionais e estudantes da instituição e ao público em geral, nos quais os pesquisadores e tecnologistas vinculados ao JBRJ ou a outras instituições do país e do exterior, apresentam suas pesquisas e os principais avanços no conhecimento nos seus campos específicos de atuação, compartilhando, assim, suas experiências em debates com estudantes e pesquisadores.

Solicitamos a todos os pesquisadores e servidores da casa e demais pessoas interessadas fora da instituição que possam oferecer cursos de extensão, que preencham a proposta abaixo, objetivando o cumprimento da missão do JBRJ.

 

 

 

 

 

volta à primeira página