Desastres ambientais em pauta no Jardim Botânico do Rio de Janeiro
19/10/2011

Conversas no Jardim reúne especialistas para debater os riscos ambientais e as formas de minimizá-los, dia 20 de outubro, às 18h, como parte da programação da SNCT.

A enxurrada e os deslizamentos de terra que atingiram a região serrana do Rio de Janeiro no início de 2011 – considerados o maior desastre natural já registrado no Brasil – mostraram a urgência de o país enfrentar de frente os problemas causados pela ação humana sobre o meio ambiente e pelas mudanças climáticas. O assunto será debatido na mesa redonda Conversas no Jardim, que acontece em 20 de outubro, às 18h, no Auditório da Associação de Amigos do Jardim Botânico do Rio de Janeiro (AAJB).

A mesa redonda contará com três palestrantes. Carlos Alberto Muniz, do departamento de Sistemas de Alertas, Prevenção e Remediação de Desastres Naturais do Instituto Estadual do Ambiente (INEA), falará sobre desastres naturais, riscos e prevenção. Riscos ambientais serão abordados também pelo pesquisador Moacyr Duarte, da Coppe/UFRJ. Bruno Rosado, pesquisador do Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro (PPBio/JBRJ) tratará do tema Biodiversidade, funcionamento dos ecossistemas e minimização de impactos ambientais

O encontro é organizado pelo Museu do Meio Ambiente/JBRJ e faz parte da programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2011, que tem no Jardim Botânico do Rio um de seus polos.

Conversas no Jardim

Quinta-feira, 20 de outubro de 2011, às 18h

Auditório da Associação de Amigos do JBRJ (AAJB) – Rua Jardim Botânico, 1008, casa 6.

Grátis

Veja também a programação completa da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia no Jardim Botânico do Rio de Janeiro.

 

 

 

 

 

 

voltar à primeira página