Jardim Botânico do Rio e IAB acertam detalhes do edital de concurso de arquitetura
22/1/2010

fotoEm seminário interno no dia 21 de janeiro, as instituições discutiram critérios para a obra do Museu do Meio Ambiente, que será um legado para a cidade.

O Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro promoveu, na quinta-feira, 21 de janeiro, um seminário interno com representantes do Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB-RJ). O objetivo do encontro foi apresentar ao IAB a proposta para o complexo do Museu do Meio Ambiente (MuMA). O IAB está elaborando o edital do concurso público nacional de projetos arquitetônicos para o Museu.

O presidente do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, Liszt Vieira, destacou que a obra – que abrange a construção de dois novos anexos ao atual prédio histórico e o tratamento paisagístico do entorno – será um legado importante para a cidade no momento em que o Rio se prepara para receber grandes eventos como a Copa do Mundo e as Olimpíadas.

Também participaram do seminário a chefe do Museu do Meio Ambiente, Luisa Rocha, com sua equipe, além da arquiteta Monica Neves, da Coordenação de Restauração, Obras e Manutenção, e a assessora para assuntos estratégicos do Jardim Botânico, Lidia Vales.

O IAB foi representado por seu presidente, Sérgio Magalhães, e pelos vice-presidentes Pedro da Luz Moreira, de Administração, Ricardo Villar Gomez, de Finanças e Patrimônio, e Cêça Guimaraens, de Relações Sócio-Culturais. Também estiveram presentes os representantes do IPHAN RJ, Mauro Pazzine, e do Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM), Cláudia Storino, e a diretora da Expomus, empresa que presta consultoria ao MuMA, Maria Ignez Mantovani Franco.

A previsão é de que o edital seja lançado no dia 1º de março de 2010, com a presença do Ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, e outras autoridades.

 

 

 

 

 

volta à primeira página