Liszt Vieira dedica prêmio Faz Diferença a Burle Marx
28/3/2013

Liszt foi o primeiro a subir ao palco no hotel Copacabana Palace, para receber o prêmio das mãos do editor de Rio, Gilberto Scofield, e da editora dos Jornais de Bairro, Adriana Oliveira. Em seu discurso, agradeceu a todos os diretores do JBRJ e afirmou que as vitórias alcançadas até agora na defesa do Horto como patrimônio público têm sido possíveis graças à legislação ambiental brasileira e ao tombamento (em 1973) da área pelo IPHAN, para o qual o parecer do paisagista Burle Marx foi decisivo. “Burle Marx, mais do que qualquer um, compreendeu a importância de um jardim, por isso dedico a ele esse prêmio”, concluiu o presidente do JBRJ.

Além de Liszt Vieira, o evento premiou, em 18 categorias, pessoas que se destacaram no ano passado, como o ex-presidente do STF Carlos Ayres Britto, o atual presidente do STF, Joaquim Barbosa, escolhido como Personalidade do Ano, o técnico da seleção feminina de vôlei do Brasil, José Roberto Guimarães e as cantoras Gal Costa e Bibi Ferreira, entre outros.

 

 

 

 

 

voltar à primeira página